Aprendizados do mestrado em desenvolvimento na África do Sul

Na volta da incrível viagem a Towerland, o Instituto Fonte convidou os participantes brasileiros a contarem o que aprenderam no primeiro encontro residencial do mestrado "A Prática Social Reflexiva", que aconteceu em agosto de 2012. O mestrado, com duração de dois anos, é oferecido pelo The Proteus Initiative, instituição voltada para o desenvolvimento social. Confira os depoimentos de Ana Claudia Marques e Eduardo Rombauer.

 

 

 

Saiba mais

Participe do encontro Profides Centro-Oeste

O encontro acontecerá de 22 a 25 de novembro de 2012, na Chapada dos Guimarães, e já contará com vivências práticas para desenvolver posturas cooperativas, habilidades de negociação, de resolução de conflitos e realização de metas comuns. Esse evento é realizado pelo Instituto Fonte e o Solarium e apoiado pelo Conselho de Secretarias Municipais de Saúde de MT e Instituto de Saúde Coletiva.

A intenção é reunir os interessados em entender melhor a proposta e dinâmicas do programa "Profissão Desenvolvimento" 2013.

 

 

 

Saiba mais

Diálogos sobre Goethe em Nazaré Paulista, com Allan Kaplan e Ricardo Ghelman

O modo Goetheano de ver o mundo propõe observar e intervir, sem separar ou simplificar, seja quando se trata de conhecer a natureza seja para compreender e atuar no âmbito social. Convidamos todos os interessados em se aprofundar nessa abordagem a participar do retiro “Diálogos sobre a visão de Goethe - um encontro entre dois caminhos”, que acontecerá de 15 a 20 de novembro de 2012, em Nazaré Paulista, conduzido por Allan Kaplan e Ricardo Ghelman. A iniciativa é do Instituto Romã e Instituto Ciência & Arte, com apoio do Instituto Fonte e Associação Mahle.

Saiba mais

A prática da avaliação fortalece as organizações da sociedade civil

“O papel da sociedade civil, ao realizar sua avaliação é o de fortalecimento de si mesma e o fortalecimento da democracia”. Esta é uma das conclusões de Martina Rillo Otero, consultora do Instituto Fonte, durante o seminário anual da Rede Brasileira de Monitoramento e Avaliação, realizado de 13 a 15 de agosto de 2012, no Rio de Janeiro (RJ). Para Martina, quem investe em processos avaliativos consegue mais transparência em relação aos resultados obtidos; melhora a própria ação desenvolvida e contribui para o estabelecimento de relações mais claras com o Estado, pois ajudar a estabelecer termos claros para a parceria.

 

 

Saiba mais

Páginas

Subscrever www.institutofonte.org.br RSS