Que ser político vive em você? Como nutri-lo?

Como você responde à crise política a partir de suas próprias possibilidades?

O momento que nosso país vive nos chama para uma qualidade de pensar que encontre novos caminhos para superação das diferentes crises que geramos dentro e fora de nós. Se queremos lidar com esta situação de maneira realmente transformadora, é preciso que a relação entre o que acontece interna e externamente a nós na relação com a política seja melhor compreendida.

É na complexidade da vida em sociedade que o Ser Político se desenvolve, colocando seu gesto no mundo, ao mesmo tempo que o mundo se coloca nele. O Ser para se fazer pleno deve exercer seu estado de liberdade, onde sua vontade atenda a seus interesses e necessidades de maneira engajada e responsável com o Todo do qual ele é parte.

A oficina O Ser Político busca contribuir para a qualificação desse pensar para um agir em liberdade. Convida o participante a ampliar sua percepção sobre o ser político que vive nele, refletindo sobre sua ação no mundo. O que essa ação mantém, fortalece e transforma em relação com o outro e com o mundo a sua volta. Para, então, poder recriar seu posicionamento sendo coerente com esse ser político que conduz a si mesmo como agente cocriador de uma sociedade democrática e sustentável.

O caminho

A base de uma sociedade sustentável se nutre da confiança nas relações sociais. Sem isso, o campo social torna-se um terreno fértil para que o conflito aconteça pela dominância do poder. Assim, a oficina pede abertura e colaboração, criando condições de confiabilidade para esse ambiente relacional, uma vez que o processo irá percorrer por caminhos que passam pela prática de cada participante.

A abordagem aplicada entende que os processos sociais são fenômenos vivos e cada individuo é parte ativa da situação na qual está inserido. É essa sensibilidade de ver e compreender que a oficina propõe desenvolver, esticando no participante suas habilidades perceptivas, levando-o a ter um olhar cada vez mais acurado sobre si, o mundo e as relações que se estabelecem entre estes.

Durante os dois dias de oficina serão desenvolvidas atividades de compreensão de situações sociais, partilha de experiências e reflexões, exercícios de habilidades sociais, arte e leitura. Os conteúdos emergem dos referenciais e da experiência de cada participante, estimulando assim novas narrativas, atitudes e escolhas.

Essa oficina é a primeira de uma série de quatro encontros relacionados ao programa “O Pensar Político e o desenvolvimento de uma prática política sustentável”

Para quem

A oficina foi desenvolvida para pessoas que procuram olhar o momento atual para além das críticas e propõem-se a pensar sobre as suas ações como seres políticos. Ela aplica-se às lideranças organizacionais e comunitárias, pessoas que atuam na construção de uma nova política, educadores, empreendedores, membros de governo, políticos institucionais, jovens lideranças, membros de movimentos sociais. Será um grupo de 25 participantes.

Sobre os facilitadores

Denise Castro – É profissional de desenvolvimento com foco em ações político-sócio-ambientais para a sustentabilidade. É graduada em Ciências Biológicas pela PUC-CAMPINAS. Se desenvolveu como gestora organizacional no terceiro setor, articuladora e estrategista, adquirindo experiência na gestão pública por meio da relação público-privada e no desenvolvimento de políticas públicas. É membro associado do Instituto Fonte para o Desenvolvimento Social e membro do Grupo Recife de Aprendizagem. Líder da Rede de Ação Politica pela Sustentabilidade (RAPS).

 

Rogerio Magon – é um profissional de desenvolvimento, adquiriu experiência na área ambiental atuando em organizações não governamentais, atua desde 2002 como facilitador de processos no campo social, recentemente se dedicou à questão do desenvolvimento local atuando em regiões e comunidades impactadas por mega empreendimentos. É formado em administração de empresas e é associado do Instituto Fonte para o Desenvolvimento Social.

 

Eduardo Rombauer - Bacharel em Relações Internacionais, é profissional de desenvolvimento organizacional e social, com sólida experiência em processos participativos e iniciativas de transformação pública, junto a organizações de diversos setores e campos de atuação. Fundador e membro de diversas organizações e projetos que atuam em defesa da Democracia e do Desenvolvimento Sustentável.

 

 

Data: 03 a 04 de junho de 2016, sexta e sábado.

Horário: das 9h às 18h.

Local: Casa da Cidade

Rua Rodésia, 398 – Vila Madalena

São Paulo-SP

Investimento:

Olhando para situações individuais diversas, estamos propondo três faixas de contribuição:

Valor Ideal (R$ 520,00)  Valor fraterno (R$ 450,00)  Valor Mínimo (R$ 380,00)

Teremos algumas bolsas parciais.

Esse valor inclui os coffee-breaks e material de apoio.

O pagamento pode ser parcelado no cartão de crédito pelo   

Mais informações escreva ou ligue para:  

Denise denise@institutofonte.org.br ou Rogerio (19) 98155-2299  rmagon@institutofonte.org.br

Inscrições:

Por favor preencha o formulário online abaixo e aguarde nosso retorno: